Os aminoácidos, também denominados de peptídeos, representam a menor unidade elementar na constituição de uma proteína. Na natureza existem cerca de 200 aminoácidos, mas só 21 são metabolizados pelo organismo humano. Os aminoácidos formam a estrutura das proteínas e são essenciais para o corpo humano.

Praticantes de esportes, são as pessoas que mais se beneficiam com a suplementação de aminoácidos porque eles ajudam no reparo, crescimento e desenvolvimento do tecido muscular.

Os aminoácidos são essenciais para a produção de mais de 50 mil proteínas e mais de 15 mil enzimas, incluindo as enzimas digestivas, que devem estar em ótimo funcionamento para que você possa aproveitar ao máximo a sua alimentação e suplementação.

Os aminoácidos também influenciam no seu humor, na concentração, na agressividade, na atenção e no sono.

Após ingerir uma proteína, as enzimas digestivas a quebram em aminoácidos. Os aminoácidos são, então, usados individualmente para a criação de novas proteínas e enzimas.

Os aminoácidos isolados são mais rapidamente absorvidos e assimilados do que as proteínas. Eles influenciam atividades farmacológicas e fisiológicas, como, por exemplo: o anabolismo, a regulação hormonal e as funções neurotransmissoras. Os aminoácidos individuais conseguem desempenhar funções que as proteínas não conseguem, tornando-se, assim, grandes aliados dos shakes protéicosque auxiliam no ganho de massa muscular e na melhora da performance.

Todas as formas de aminoácidos isolados (parte da proteína) estão excluídos da classificação de suplementos alimentar no Brasil. Sendo que apenas os BCAA’s são permitidos como suplementos.

Até o momento, o Ministério da Saúde entende que altas dosagens de aminoácidos não são seguras suficientes para o consumo generalizado.

Protected by Copyscape Online Copyright Checker

Publicações Recentes